Covid-19: Para saber o que está aberto em Bonito clique aqui

Passeios abertos e operando com 50% da capacidade
Restaurante, bares e lanchonetes liberados até às 21 horas com 50% de capacidade
Comércio aberto
Transportes funcionando normalmente
Toque de Recolher das 21h às 5h da manhã

Tira dúvidas: (67) 982020015

Cuidados com a saúde ao viajar para Bonito

Entre em contato

Que a pandemia pelo Covid-19 intensificou os cuidados com a saúde durante as viagens a gente já sabe. O que poucas pessoas tem comentado, é que, independente do coronavírus, há outros riscos para os quais devemos estar atentos quando estivermos explorando destinos turísticos em qualquer época.

No caso do Mato Grosso do Sul, em especial, é importante seguir as recomendações de uma agência de viagens já que o local é exuberante em plantas e animais e conta com temperaturas bem diversificadas. Aqui no Blog da Acqua Viagens listamos alguns riscos à saúde que o viajante pode enfrentar e quais as melhores formas de prevenir essas situações.

Apareceu o sol, você tem muito tempo livre e aproveita para conhecer os pontos turísticos de Bonito. Isso é ótimomas lembre-se ter muito cuidado,  principalmente, se for temporada de verão, porque você não estará livre dos riscos de ficar exposto no sol, então é preciso seguir uma série de recomendações a fim de aproveitar as férias e os feriados tanto quanto possível, caso contrário eles podem se tornar um pesadelo.  

1. Desidratação  

A principal consequência de ficar muito tempo exposto nas altas temperaturas que rolam em Bonito é a desidratação. A recomendação da Acqua Viagens é aumentar o consumo de água! O aconselhável é ter sua garrafa de água sempre com você, assim você sempre estará hidratado!

Em caso de calor extremo (Bonito às vezes supera os 40 graus), os especialistas também recomendam o uso de bebidas isotônicas para evitar a perda de sais minerais através da sua transpiração.

2. Problemas oculares

Você sabia que as disfunções visuais aumentam até 25% durante o verão? De acordo com os dados apresentados por especialistas, a maior causa dessa distorção é o excesso a exposição solar que traz consigo um maior risco de catarata, cegueira temporária e conjuntivite.

Verão em Bonito MS

Os sintomas mais frequentes e muitas vezes despercebidos são comichão, queimação e/ou visão turva.

Para se prevenir use sempre bons óculos de sol, bonés ou um chapéu que atua como protetor solar e não se esqueça do colírio (mas passe no médico antes) que acalma os desconfortos mais leves.

3. Picadas de insetos

Longe de serem completamente inofensivas, as picadas de insetos podem realmente causar infecções graves, como a anafilaxia, cuja incidência é três vezes maior em crianças de 0 a 4 anos e inclui sintomas que vão desde vermelhidão e coceira até náuseas.

As picadas de abelha e vespa são as mais comuns a este respeito, use repelentes com concentração inferior a 10% e não use repelente em crianças com menos de dois anos.

Repelente-cuidados durante a viagem bonito ms

Por ser um destino de ecoturismo, quanto estiver em Bonito, no Mato Grosso do Sul, será preciso redobrar seus cuidados quanto a essa questão, principalmente se você ou alguém da família for alérgico a picadas. 

Não é comum que os viajantes tenham problemas relacionados a isso, mas temos que considerar essa possibilidade existe em destinos com esse perfil. Por isso, em atrativos de cachoeiras onde as trilhas são mais longas, como Ceita Corê, Boca da Onça e Serra da Bodoquena, recomendamos usar o repelente antes de começar e depois dos banhos de cachoeira reaplicar por precaução.

Porém, nas flutuações em Bonito o uso do repelente não é permitido durante. Por isso, quem vai conhecer o Aquário Natural, o Rio Sucuri ou a Nascente Azul só fica liberado para utilizar esse recurso quando termina a atividade.

5. Intoxicação alimentar 

A intoxicação alimentar é uma das reações comuns e perigosas durante as viagens, portanto, devemos ter muito cuidado com o que é ingerido quando se está fora de casa. Nos passeios em Bonito a alimentação é sempre bem fresca e há muitos atrativos que usam verduras e hortaliças colhidas diretamente nas propriedades.

Geralmente onde o almoço é incluso as variedades incluem pratos da culinária regional como sopa paraguaia e arroz carreteiro, além de sobremesas como doce de leite feito no tacho e doces de compota.

Os restaurantes de Bonito são da melhor qualidade, e há muitas opções inclusive com comida vegana e vegetariana. Lugares como Juanita, Casa do João e Marco Velho podem ser incluídos no seu roteiro sem preocupação.

Nos meses de calor intenso, entre dezembro e fevereiro, os casos de  intoxicação alimentar são mais comuns. As  temperaturas elevadas podem afetar diretamente a qualidade dos alimentos favorecendo o aparecimento de diarreias e outros males. 

Nessa região da Serra da Bodoquena, o calcário e o magnésio presentes na água também contribuem para causar desconforto  intestinal, por isso recomendamos aos viajantes consumirem somente água mineral durante a viagem.

6. Dor de Ouvido

A dor de ouvido é outra das coisas comuns em destinos de férias. Cerca de 16% das pessoas sofrem de algum tipo de desconforto relacionado à água em viagens, o que acaba causando otite. O uso de tampões nos ouvidos pode ser uma alternativa para quem é muito sensível nessa parte do corpo quando se trata de prevenir infecções auditivas, no entanto, apenas 10% dos visitantes os usam ao entrar em piscinas e rios. 

Se você é uma dessas pessoas que costuma ter dor de ouvido, lembre-se que é melhor prevenir, coloque já um tampão na mala.Também é essencial  secar com uma toalha seus ouvidos  após o mergulho para evitar a umidade na orelha.

8. Infecções fúngicas

A umidade - já que quase todos os passeios em Bonito envolvem água, o calor característico na maior parte do ano em Bonito e o aumento da atividade física constituem uma mistura bem adequada ao aparecimento de infecções fúngicas que podem estar presentes em qualquer lugar.

Por isso, sempre recomendamos que o viajante evite caminhar com os pés descalços em espaços molhados e mantenha os pés bem secos antes de calçar. Uma dica interessante para não molhar seus tênis, é alugar nos atrativos as "papetes" de borracha (custam entre 10 e 13 reais), que além de proteger proteger de pedras e folhas permite que você entre na água e depois possa secar os pés com facilidade.  

Anote estes cuidados básicos com sua saúde, para ter suas férias felizes em Bonito garantidas!

Indique para um amigo:

Este conteúdo Cuidados com a saúde ao viajar para Bonito? Deixe sua avaliação abaixo:

Preencha o campo Nome corretamente.
Preencha o campo Email corretamente.

Confira outras dicas de Bonito MS

Bonito tem mesmo os preços tabelados?

Bonito tem mesmo os preços tabelados?

Buscando informações se Bonito tem mesmo os preços tabelados? Sim, Bonito tem mesmo preços [...]

Leia mais...
Roteiro Gastronômico de Bonito: descubra a culinária do MS

Roteiro Gastronômico de Bonito: descubra a culinária do MS

Se você está planejando viajar para Bonito e tem dúvidas sobre quais são as [...]

Leia mais...
Qual a diferença entre a flutuação e o mergulho no Rio da Prata?

Qual a diferença entre a flutuação e o mergulho no Rio da Prata?

Você já sabe que o Rio da Prata é sem dúvida um dos passeios mais famosos e [...]

Leia mais...
Lagoa Misteriosa: Saiba Tudo Sobre essa Atração

Lagoa Misteriosa: Saiba Tudo Sobre essa Atração

Bonito MS, Jardim e Bodoquena​ são ​3​ das cidades turísticas d​o Mato Grosso do Sul​ que [...]

Leia mais...

Preencha e receba em seu email o descritivo de todos os passeios de Bonito

Procurando informações sobre Bonito MS?

Podemos enviar gratuitamente para você um e-book exclusivo com dicas, passeios e valores! É só deixar seus dados aqui 👇