Os melhores mergulhos fluviais do Brasil


"Uma vez que você tenha experimentado voar, você andará pela terra com seus olhos voltados para o céu, pois lá você esteve e para lá desejará voltar”. Essa frase de Leonardo da Vinci sintetiza a experiência de flutuar em Bonito MS. Nenhum visitante que tenha passado por essas trilhas ou conhecidos as nossas águas cristalinas jamais deixará de sentir vontade de voltar!

Confirmando isso, a Revista Viagem classificou Bonito, no MS como “o melhor destino para mergulho fluvial do Brasil. Na nascente cristalina do Rio Baía Bonita, que forma o Aquário Natural, ou no Rio Sucuri, de leve correnteza, você nada lado a lado com diversas espécies de peixes coloridos”.

O texto ainda aborda outros pontos positivos do destino apontado como uma viagem incrível para ser aproveitada em família.“É uma típica “viagem família”, mas isso não quer dizer que o destino não tenha muita aventura – há passeios de botes em corredeiras, boia-cross, mergulho com cilindro e até rapel no incrível Abismo Anhumas, uma das maiores cavernas submersas do país.”

Técnicamente há duas modalidades de mergulho que podem ser realizados durante sua viagem para Bonito: mergulho autônomo - com cilindro, ou o chamado mergulho livre - que é realizado com snorkel ou apnéia. Quer saber mais sobre isso? Aqui no site também explicamos qual a diferença entre o mergulho livre e o mergulho autônomo.

Conheça essas 3 opções de mergulho livre para adultos e crianças. Em Bonito essa modalidade de mergulho recebe o nome de flutuação pois ocorre na superfície dos rios.

Rio da Prata

Ótimo lugar para  praticar a flutuação com máscara e snorkel - equipamentos que permitem respirar dentro da água. Esse passeio é indicado para crianças a partir dos 6 anos e oferece águas incrivelmente cristalinas e de diversas tonalidades de azul.

A variedade de peixes é um espetáculo à parte durante as mais de 3 horas de descida através do Rio Olho d'Agua até o encontro com o Rio da Prata. 

Nesse atrativo também é possível praticar o mergulho de cilindro. Essa atividade é permitida para as crianças somente a partir dos 8 anos de idade e acompanhada pelos pais. Se você nao tem experiência, não se preocupe, pois não é preciso ter certificação, basta ter disposição e curiosidade sobre o mundo subaquático.

O mergulho no Rio da Prata alcança uma profundidade de até 7 metros e tem duração de 40 minutos (tempo de atividade na água).

Lagoa Misteriosa

Com cerca de 75 metros de profundidade  e com águas de um azul intenso a Lagoa Misteriosa é simplesmente surpreendente.  Não é a toa que esse é o destino preferido para o Batismo de mergulhadores de todo o Brasil. Uma boa alternativa para os viajantes que querem mergulhar, mas não possuem curso.

Ele pode ser realizado até mesmo por crianças, desde que acima de 10 anos. Nesse caso a profundidade máxima permitida é de 8 metros, com um instrutor para cada 2 visitantes. 

O atrativo também oferece opções para quem já realizou a atividade em outras ocasiões. Os apaixonados por mergulho podem escolher entre:

  1. Autônomo Básico até 18 metros de profundidade, para quem tem a certificação Open Water Scuba Diver.
  2. Autônomo Avançado até 25 metros para quem tem a certificação Advanced Open Water Scuba Diver. 
  3. Avançado Nitrox, com profundidade máxima até 30 metros,  para quem tem a certificação Advanced Open Water Scuba Diver. Nesse caso, o mergulho pode ser realizado apenas no período de setembro a março mediante consulta prévia.

Abismo Anhumas

Esse passeio oferece as opções de flutuação com máscara e snorkel ou mergulho de cilindro. Como se trata de um atrativo de caverna o mergulho de cilindro está restrito a viajantes que já possuam pelo manos a certificação básica. O acesso ao local começa por uma estrada de terra, que leva até uma caverna.

Para descer ao abismo é necessário fazer três metros de rapel por um fenda afunilada. Depois destes três, mais 72 metros de descida, também por rapel.

O lago, no interior da caverna é absolutamente cristalino e repleto de formações rochosas impressionantes, como cones, estalactites e estalagmites. A água tem temperatura média de 18 graus o ano todo, isso significa que a roupa de neoprene é essencial e não há necessidade de saber nadar para fazer a flutuação.

Até 2019, conhecer o Abismo Anhumas exigia um considerável esforço físico uma vez que para sair do "buraco" era necessário também realizar a subida através do rapel. Entretanto, desde o final do ano passado o atrativo implantou um sistema por onde é possível içar o visitante. Então nao se preocupe mais se estácom a academia em dia , se "pra baixo todo santo ajuda", para cima a equipe do Abismo certamente te puxa!

 

Posts Relacionados:

Veja todas as opções de flutuação em Bonito.

Preciso saber nadar para flutuar em Bonito?

Quantos passeios de flutuação temos em Bonito?

Indique para um amigo